TRUMP IMPÕE NOVAS MEDIDAS EM VOOS PARA OS EUA

O governo de Donald Trump vem adotando uma série de procedimentos para impor mais restrições aos turistas que desejam entrar no país.

Começaram a entrar em vigor, nesta quinta-feira (26), as novas medidas de segurança no embarque para voos que vão para os Estados Unidos. Os procedimentos já haviam sido anunciados em junho deste ano, mas o governo concedeu um prazo de 120 dias para as companhias aéreas se adequarem.

As novas medidas incluem o aumento da quantidade da revista feita em aparelhos eletrônicos, onde os equipamentos devem passar em um scanner de explosivos. A seleção dos passageiros que devem ser revistados é feita pelo próprio governo americano, com base na lista de passageiros.

Além da revista, entrevistas de segurança antes do embarque serão feitas pelos funcionários das companhias aéreas.

POSICIONAMENTO DAS COMPANHIAS AÉREAS    

Ainda não existe um padrão de operação entre as companhias aéreas, então algumas empresas seguem com entrevistas de segurança e outras com a distribuição de formulários.

Dentre as companhias aéreas brasileiras (LATAM, Azul e Avianca), apenas a Avianca informou que ainda está em processo de implementação do novo controle.

As companhias aéreas Emirates e Air France afirmaram que já estão adotando as novas regras exigidas pelas autoridades americanas. A Emirates informou que além de realizar entrevistas antes do embarque, serão feitas revistas em todos os itens levados pelos passageiros.

Posts Relacionados